Fórum Estadual de Alagoas

  • Noticias

  • Agenda

  • Biblioteca

  • Contato

Notícia

10/04/2017 14:52:45 - Atualizado em 10/04/2017 14:52:46


Governo realiza ação de combate ao trabalho infantil

Mobilização foi realizada em parceria com o Fórum Estadual Erradicação do Trabalho Infantil Proteção do Adolescente Trabalhador (Fetipat)

A Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) realizou na sexta-feira (07) uma ação educativa de combate ao trabalho infantil na região do bairro Tabuleiro do Martins. A ação, que foi organizada junto com Conselho Tutelar da Região VII, teve a parceria do Fórum Estadual Erradicação do Trabalho Infantil Proteção do Adolescente Trabalhador (Fetipat) e da Comissão Municipal de Erradicação do Trabalho Infantil (CMETI).

Além de panfletagem, a equipe do Serviço Especializado em Abordagem do Social do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) Santa Lúcia identificou e encaminhou os casos de trabalho infantil.

Segundo a secretária de Assistência Social de Maceió, Celiany Rocha, essas ações são importantes para que a população perceba que o trabalho infantil não é uma prática normal. “Além de identificar os casos, o nosso maior objetivo é oferecer encaminhamentos adequados às famílias para diminuir, assim, a incidência dessa prática ilegal na capital”, explicou.

Segundo o Conselheiro Tutelar da Região VII, Ariudo Alves, a ação faz parte da programação anual do conselho. “Queremos conscientizar a sociedade que lugar de criança é na escola e não trabalhando”, destacou.

A unidade móvel do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil Infantil (Peti) Volante da Semas também realizou atividades recreativas e lúdicas como forma de sensibilizar o para crianças que estejam em condições de exploração para, em seguida, encaminhá-las aos programas socioassistenciais da Prefeitura de Maceió.

Fonte: Alagoas 24 Horas


Deixe seu comentário

Login

Comentários (0)

Destaques

Negros são maioria no trabalho infantil

Ao todo, 63% das crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil são negros; no trabalho infantil doméstico, esse índice se acentua para 73,5%

“Por que devemos erradicar trabalho infantil?” é tema de Seminário em Vila Velha

O evento promovido pelo Feapeti acontecerá nos dias 20 e 21 de novembro, com a participação da secretária executiva do FNPETI, Isa Oliveira

Justiça decide que Zara é responsável por trabalho escravo flagrado em 2011

Sentença pode colocar empresa na ‘lista suja’ do Ministério do Trabalho. Marca vai recorrer

ONU solicita a revogação da portaria que limita a definição de trabalho escravo

Campanha Nacional pelo Direito à Educação e FNPETI corroboram com a avaliação das Nações Unidas